Olhando para a frente

O longão hoje foi de sono. Pela primeira vez em nem sei quanto tempo, dormi por (merecidas) 10 horas seguidas, acordando ainda com bocejos e sem pressa para correr. Havia me esquecido do quão maravilhoso é colocar o sono em dia :-)

Ainda assim, tinha uma missão para hoje: uma corrida relativamente leve, de 15K, para sentir a quantas andava a recuperação das pernas e, principalmente, da região da bexiga que estava doendo a cada passada.  Não há muito tempo para “zerar” o corpo: a Indomit acontece em duas semanas, mais ou menos. 

Felizmente, o dia foi de boas notícias: as pernas apenas “simularam” alguma dor muito, muito de leve – e a bexiga estava quase perfeita. Havia, verdade seja dita, alguma “pressão interna” – mas nada de preocupante. Ao que parece, tudo está se normalizando. 

Amanhã tem mais uma corrida ao mesmo estilo da de hoje e, a partir da semana que vem, começa o treino normal. 

No horizonte, uma só palavra: #Indomit. 

  

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s