Badwater e Carlos Sá

Badwater me fascina. Não sei se ao ponto de me fazer corrê-la algum dia, mas há que se admirar corredores que topam enfrentar um calor que passa dos 50 graus célcius ao longo de 135 milhas – ou 217km. E tudo, claro, atravessando o Death Valley, um deserto que não poderia ter um nome mais apropriado, e terminando no topo de uma das maiores montanhas dos EUA (Mount Whitney, com 2,5 mil metros de altitude).

Em 2013, o português Carlos Sá venceu a prova. Empolgado com isso, ele gravou um documentário BEM interessante em sua volta ao percurso em 2014.

Vale ver. Se tiver neurônios a menos, inclusive, esse filme certamente te inspirará a participar em algum dia.


 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s