Checkpoint: Polimento, gripe e preparo

Era batata: tinha certeza que, no instante em que concluísse meu último longão, uma gripe avassaladora se abateria sobre mim.

Foi o que aconteceu.

Na última terça acabei indo para casa com febre, nariz entupido e dores em articulações que nem sabia que tinha. Tentei completar a planilha que, ainda que mais leve, estava lá para ser feita: não consegui.

Cortei a quinta por pura incapacidade física.

No domingo, já melhor, me preparei para sair. Fiz 2km e desisti: uma recaída empurrou a febre de volta para o corpo.

Tinha 60km para fazer, fiz exatos 43. Mas quer saber?

Foi das primeiras vezes em que não me senti “em débito” comigo mesmo. Estava claro que não adiantava forçar a barra, que o plano de treino havia sido feito nos últimos meses e que, daqui até a largada, tudo girará em torno de me administrar e de reparar o corpo.

Foi das primeiras vezes em que, mesmo chegando em casa depois de uma desistência de treino, me senti pronto para a largada.

Bom sinal.

Screen Shot 2016-08-08 at 11.44.58 AM Screen Shot 2016-08-08 at 11.45.09 AM

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s